#Header1 { display:none; } #header-wrapper { display:none; }

13.1.12

Pantanal, subsistência

Bebemos porque líquido.
Se sólido, come-lo-emos . *

O Bar do João promete e cumpre . Os sabores são ótimos e a cerveja geladérrima .
Um daqueles botecos meio esquisitos e caidaços onde não é qualquer um que entra.
Mas como estávamos na companhia de um ser humano nativo do local e
profundo conhecedor das quebradas alimentares, foi lá que estacionamos .


Impecáveis peixes. E na mesa ao lado uma lindíssima carne de sol no espeto.

Mas o grande e inusitado detalhe é a churrasqueira do lugar.
No corredor , as carnes são churrasqueados pela ... janela.


Nunca tinha visto uma coisa destas .


* Adaptando a frase de Janio Quadros nascido no hoje Mato Grosso do Sul,
em Campo Grande ou Miranda ( aí sim , no Pantanal )
até nisso foi polêmico

7 comentários:

Allan Robert P. J. disse...

Também nunca tinha visto, mas deve proteger do frio.
...Se um dia fizer frio por lá.

peri s.c. disse...

Allan

É curioso, mas faz frio lá, uns 20 dias por ano. As frentes frias de inverno, ricocheteiam nos Andes e passam por lá geladinhas .

Eduardo P.L disse...

Ótima idéia! O cheiro fica com o vizinho!

claudio boczon disse...

uma nova opção para o conceito "drive thru"

peri s.c. disse...

Edu
Cheiro e gorduras aéreas.

peri s.c. disse...

Boczon
Cook-thru !!!!!!
ah, ah, ah.

Li Ferreira Nhan disse...

Ótima observação Edu!
;)