#Header1 { display:none; } #header-wrapper { display:none; }

30.6.11

Casa pré-fabricada alemã






Apesar da invasão de Ipods, IMacs, "I"ocatsoaquatro, SUVs com tração nas 4 rodas para andar na Av. Paulista, etc, etc, etc, nós estamos a quantos anos-luz das modernidades ?

Mais sobre ela : aqui

11 comentários:

Eduardo P.L disse...

Sempre há a possibilidade de se fazer a "coisa" certa, esteticamente!

peri s.c. disse...

Edu
Sempre é possível, desde que o cliente tenha alguma cultura para entender. Em geral preferem imitações de chalés suiços .

João Menéres disse...

Casas estilo "maison", com janelas estilo "fenêtre" é o que por aqui imperou ( e ainda impera), sobretudo para o interior.

Esta tem uns alçados bem agradáveis e uma óptima planta.
Mas haverá espaço para roupeiros e outros móveis indispensáveis ?


Com um abraço deste seu amigo SEM TEMPO.

peri s.c. disse...

João

Com alguns ajustes na planta dá para colocar os roupeiros em cada quarto, sem comprometer a volumetria da casinha .

abraço ( também com pressa )

expressodalinha disse...

Muito simpática. E o preço?

peri s.c. disse...

Jorge
Não sei . Mas também gostaria de saber

Eduardo P.L disse...

Tem razão, os chalés suiços são os dramas dos arquitetos... a falta de cultura e informação dos clientes, é a responsável pelo atraso do arquitetura....

peri s.c. disse...

Edu
o pior é que não se interessam em superar a falta de cultura.

Fatima Cristina disse...

piu bella!

Gostaria de uma dessas para usar como atelier...

peri s.c. disse...

Fatima

Eu também queria !!!

Anônimo disse...

Cultura é tradição, tradição e estética são irmãs. Enquanto os arquitetos pensam que os clientes tem falta de cultura por teimarem em manter uma estética que lhes diga alguma coisa, os clientes pensam que os arquitetos são grandes vagabundos sem imaginação, por isso propõem linhas retas se impondo ao ambiente, ao invés de adaptarem a construção ao terreno e às necessidades dos clientes.