#Header1 { display:none; } #header-wrapper { display:none; }

29.10.09

As máquinas não param

1º de Maio de 1971


por
Pedro Martinelli


um dos nossos grandes fotojornalistas/fotógrafos, que agora tem um blog
onde conta o que rola do lado cá das lentes

8 comentários:

tonhOliveira disse...



Tão queimando todos ou de tudo?

Êta gente que "esquenta" a cabeça!

Chaminé dos neurônios...

Inspiradora esta foto.

Abraços!

Lina Faria disse...

Uma clássica do Pedrão. Meio brucutu, mas um grande fotógrafo.

peri s.c. disse...

Tonho
tudo é possível

abraços

peri s.c. disse...

Lina

Ah, ah, não o conheço pessoalmente, mas pelo que já li, o Pedrão é um tipo rijo.
Poucos iriam morar num barquinho em plena Amazônia para fotografà-la.
Admiro esses fotógrafos, como o S.Salgado, que põe mesmo o pé na estrada. Ou nas florestas e águas, como é o caso do Pedrão.

gugala disse...

Fera

claudio boczon disse...

vamos nos apertar, companheiros, mas não vamos ascender agora!

ducas!

peri s.c. disse...

Guga
Feríssima .

peri s.c. disse...

Boczon
Se apertaram ( um pouquinho ),acenderam unszinhos e ascenderam .
Pelo menos os líderes da classe operária chegaram ao paraíso. E estão aproveitando à larga.