#Header1 { display:none; } #header-wrapper { display:none; }

9.12.09

Brisa enclausurada

Maison Hermès / Tokio




o rosto da modelo está numa tela onde roda um video
e um ventinho, vindo sabe lá de onde, balança o lenço.




genial !

projeto Tokujin Yoshioka


26 comentários:

Eduardo P.L disse...

Leve brisa, a preço de ouro! Podes crer!

peri s.c. disse...

Edu
A leve brisa varre os ienes dos bolsos dos maridões.
Deixando arregalados os nipônicos olhos dos distintos, ah, ah.

expressodalinha disse...

Temos de ir a Tóquio ver isto. De SP deve ser mais barato o voo.

peri s.c. disse...

Jorge
Existem infinitas razões para ir a Toquio.
Daqui o voo deve ser bem mais caro .

Selena Sartorelo disse...

Olá Peri,

Muito bom e criativo realmente.

p.s. Tem tido notícias do Günther? Da última vez que falei com ele soube que sua saúde não estava muito bem, e como não o vi mais e nem tenho como saber..pensei em te perguntar.

beijos
Selena

Eduardo P.L disse...

Somo as minhas às preocupações da Selena! Queremos notícias do amigo Günther, e desde já desejar o mais pronto restabelecimento.

peri s.c. disse...

Olá, Selena e Edu

Não tenho tido notícias do Günther .

Selena Sartorelo disse...

Olá Peri,

Obrigada. Por tudo.

beijos,

Lina Faria disse...

Um post de tirar o fôlego!

peri s.c. disse...

Lina

Nós, pobres mortais perderíamos o fôlego é no caixa, na hora de pagar a " compra" nessa loja, eh, eh.

Marcio Gaspar disse...

como é bonito uma boca bonita no gesto de assoprar...

peri s.c. disse...

Marcio
Uma das delicadezas dessa vida.

anna disse...

legal mesmo.

achei a modelo um tanto ocidental.

peri s.c. disse...

Com aquele olho puxado, Anna ?

Anônimo disse...

Peri,

muito bonito, muito delicado.

Beijo

Vivina.

peri s.c. disse...

Vivina

suave, suave .

bj

Selena Sartorelo disse...

Olá Peri,

Agora voltei para de fato comentar o post pois fiquei encantada com tanta delicadeza...A união do virtual com o real feito com tanto cuidado e qualidade.

Acredito quando diz sobre o valor da loja, mas para si ter algo assim em casa..tem que se pagar não acha? rsrs

Foi mantido uma sensualidade natural,cuidada e elegante no rosto da modelo, Enquanto no real o vento é sentido e o objeto é colorido.
A cor que quero prá mim.
O gesto foi conservado...
a comunhão do real com o virtual.
Mas eu ouso ir mais longe
Falo de energia
Sincronia
Poesia
Em ânimos e tons.

Essa aquisição é uma escolha, enquanto o pão não. Este é para a própria sobrevivência, e nesse caso, não tem outra alternativa.

Hoje falamos muito de brisa e vento..alias falamos do tempo.
Que eu sempre pensei ser ele o próprio pensamento...se você não sentir..ele simplesmente passa.

beijos

peri s.c. disse...

Obrigado pelo bonito e preciso, na sua amplidão, comentário, Selena. Para ser lido várias vezes...

Tenho certeza que o autor desta linda idéia, se tivesse a oportunidade de ler o que você escreveu ficaria encantado e gratificado por saber que alguém teve a tranquilidade de olhar, e ler, e entender, as entrelinhas de sua criação. Todo bom projeto ( toda boa criação ) tem intenções sutis ...

beijos

Selena Sartorelo disse...

Um Peri que pouco conheço é esse.
Boa surpresa eu diria. Obrigada pela atenção. Tuas frases são plantas com excelentes edificações.

beijos

peri s.c. disse...

Selena
1. Relendo a minha última resposta faltou uma palavra final : " ... inytenções sutis sub-entendidas . "

2. Humm, cabe a pergunta : qual o P.S.C. que você pouco conhece ? O mais discursivo ?

bjs

Patty Diphusa disse...

Peri, muito bom mesmo. Uma instalação bem classuda.

Achei isso. Uma delicadeza.

http://www.youtube.com/watch?v=_mLqP-Uv5GU

Bjs

peri s.c. disse...

Patty

Valeu ! obrigado pelo VocêTubo

Selena Sartorelo disse...

Olá Peri,

1. Precisamente.
2. Exatamente.

beijos,

peri s.c. disse...

Selena

1. pressa

2. de vez em quando desembesto, mas muito de vez em quando. ( dá uma preguiça ... )

Selena Sartorelo disse...

Peri,

1. Motivação para o que é importante.

2. Inspiração para pensar. (desinteresse).

É fato!!!

peri s.c. disse...

Selena

De fato, é fato