#Header1 { display:none; } #header-wrapper { display:none; }

20.8.07

Paparazzo gastronômico 1


Nosso fotógrafo de plantão, sempre alerta e perigosamente pendurado nos galhos de uma balançante árvore, faz com suas potentes lentes uma erótica foto de um distraído forninho de pizza completamente nu, que aguardava a prova final de seu modelito fashion, criado pela P.S.C. Design e Afins e que está sendo desenvolvido pelo mestre-estilista Edgar du Guayanases.

22 comentários:

anna disse...

vai ter inauguração?

GUGA ALAYON disse...

reforma de vento em popa. Cuidado com a brasa!

peri s.c. disse...

Anna
Várias.
Auto-convidados já se acotovelam nos portões majestosos da mansão.

peri s.c. disse...

Guga,
de vento em proa.

Unknown disse...

A foto é boa, o forno ha conferir!....

Anônimo disse...

Eduardo
Forno é como carro fórmula 1, o melhor piloto num carro ruim come poeira.
Portanto, sucesso garantido para a pizza, só comprando uma pizzaria com forno de compravada qualidade, e ... doppo, construir a casa em volta.

Anônimo disse...

UAU!!! Que belo blogg.
Adorei!

Ana Moraes disse...

humm, quando os gatos saem os ratos..ih, como é isso mesmo? Mal sumi uns dias e o Peri, além de grande escritor, agora grande fotógrafo, hein?? He, he, parabéns, meu caro. Tô na fila tbém!Bjs

Anônimo disse...

Obrigado, Albini, o seu também é um belo blog.
abraço

Anônimo disse...

ah,ah, Ana, viu no que deu seu sumicinho? obrigado. e favor retirar a senha com nossa gerente de eventos especiais. bjs

valter ferraz disse...

Peri, aqui já tem fogão à lenha. Falta-nos o forno. A Aninha cobra-me um para assar nossos "discos". Não temos um Edgar du Guayanases, vamos ter que nos virar com Valtão do Capão, mesmo!
Grande abraço

Anônimo disse...

Valter,
Temos contrato de exclusividade com Edgar du Guayanases, profissional de fino trato no manuseio de colheres,desempenadeiras, fios de prumo, maquitas e afins. Aperfeiçoou seus conhecimentos na confecção dessas esféricas fornalhas ( uma modesta contribuição para o aquecimento global ) sob nossa batuta, em experiências feitas nos quintais de nossa organização e nos de um certo amigo mafioso siciliano, expert também na confecção artesanal destes maravilhosos discos alimentares.

Mas quando o Valtão do Capão resolver pegar nos tijolos e virar uma massa, é só avisar que o Instituto P.S.C. de Construções Alternativas enviará as soluções projetuais e os truques para a construção e que permitirão um custo que vai de 1/3 à metade do que cobram aí pelo mercado.

valter ferraz disse...

Peri, pode mandar via e.mail que o Valtão debuia aqui. A necessidade está transformando o ex-técnico em ar condicionado em pedreiro, pintor, azulejista. De supervisor de obras à peão, foi dois degraus, já estou no estágio de servente, logo mais 1/2 oficial.
Abraço

Claudio Boczon disse...

esse movimento para dar uma força moral ao operador da peneira?

mas sei não, esse negócio de pizza, as formas côncavo-convexas...


...parece influência daquele povo que vive arquitetando no paralelo 15º

Anônimo disse...

Valter, estou preparando um opúsculo
( rá, rá, ótima esta palavra) à respeito, quando pronto, em prazo indeterminado, será disponibilizado ( argh, ridícula esta palavra )

Anônimo disse...

Boczon,
O peneirante nem desconfia da existência de webs ou blogs, a realidade dele é mais concreta, na acepção da palavra.
Dos croquis à realização côncava-convexa, um universo pouco voluptuoso, desconhecido pelo pessoal do paraleo 15, ou 15 e meio.

valter ferraz disse...

Peri, então nossos atendentes estarão ficando na espera.
Enquanto isso, estaremos passando para um abraço

peri s.c. disse...

Valter, velho truque culinário caseiro : quanto maior a espera, maior a fome , maior a satisfação com o que vier ao prato.

Lord Broken Pottery disse...

Peri,
Desinibido esse forninho, não?
Abraço

Anônimo disse...

Lord, é mesmo, mas já está com suas partes pudentas devidamente recobertas.

Unknown disse...

já fiz muita pizza (de todos os sabores) para inaugurar o forninho que uma amiga construiu na casa de praia. Até hoje comentamos que foi a noite da pizza que mais deixou saudades. Pela alegria e pela gostosura!

Anônimo disse...

Sonia
é uma delícia fazer os benditos discos e terminar a noite alegremente coberto de farinha.